Propagando a barbárie

Publicado: agosto 29, 2009 em Sociedade
Tags:, ,

A boa e “velha” internet está cada dia mais versátil. Invadiu a vida das pessoas e criou conceitos. Quem ouvia falar de “excluído digital” a dez anos atrás? Um conceito totalmente novo. Mas este singelo artigo não pretende falar da relação entre internet e “excluídos digitais”. Quer tratar sim da imensa versatilidade da internet, que faz com que ela tenha relação direta até mesmo com um dos ícones da exclusão no mundo, os moradores de rua.

A situação de vulnerabilidade dos moradores de rua não é novidade pra ninguém. Na rua não há qualquer tipo de segurança que se possa encontrar numa casa. Estão sempre expostos às intempéries do tempo, às doenças, aos assaltos e ao senso de humor doentio de alguns seres vivos com aparência humana.

Nem vale a pena listar aqui os inúmeros casos de crimes cometidos por criaturas de classe média contra moradores de rua. Homens incendiados, mulheres estupradas, crianças mortas (não necessariamente nesta ordem) e muitas outras atrocidades dignas do filme “Jogos Mortais”. Mas vale pensar no motivo pra tudo isso. Pura diversão. Uma diversão perversa e distante de qualquer coisa que lembre humanidade. Como os gatos que brincam com os ratos até que morram. Ou como minha cadelinha que se diverte matando gatos lentamente. Diversão de seres irracionais incapazes de compreender a vida.

E a internet nesta história toda? É simples. A internet, além de todas as maravilhosas utilidades de sempre, serve como lupa para observar o comportamento “humano” (eu disse humano?). Advinha a nova coqueluche da produção de pequenos vídeos para internet nos EUA. O negócio agora é gravar agressões contra moradores de rua, ou até entre eles. Alguns seres inanimados (sem alma) chegam a pagar alguém para realizar os maltratos, ou embriagar moradores de rua para depois incitá-los a brigar. Os vídeos fazem tanto sucesso que já estão produzindo compilações em DVD. Uma matéria da AFP (clique aqui pra ver) denuncia a situação.

O sucesso destes vídeos denuncia uma coisa. Esta prática está-se popularizando. Virando algo como uma pegadinha. Todo mundo vê, dá risada e nem pensa que alguém pode ter se machucado com a “brincadeira”. A internet, invenção dos nerds, está virando palco e escola de trogloditas.

Anúncios
comentários
  1. Manolo disse:

    A quem diga que a 3ª guerra mundial será com pedras e tacapes, isso pq o mundo será destruido por uma dessas bombas que algum país pra lá de idiota guarda e/ou produz, mas como seria essa luta de pedras e tacapes no século XXI? Aí está, mendingos, o caos providenciando + caos aos olhos de segos pelo desespero do tédio, pela redoma da fome, ferida do tempo, quebra-mola da vida.

    Diga NÃO a violência! Faça Amor e Não Guerra!! Não seja + um cumplice da tragédia humana!!

  2. Cade-1976 disse:

    Michel você tambem está contribuindo com a barbárie deixando sua cadela matar gatos indefesos,um de meus quatro felinos(que esta no meu colo nesse momento)leu a mensegem e ficou horrorizado por você permitir que sua cadela cometa esse crime!Os cães não são inimigos naturais dos gatos,eles são apenas territoriais,se um gato conviver num mesmo espaço com o cão não é visto como inimigo.Vamos acabar com esse preconceito!Gatos e cães podem e devem ser amigos.

    • Chel disse:

      Só para esclarecer. Eu não permito que minha cadela faça isto. Na verdade já tentei de tudo para impedi-la. Mas como vc lembrou, cães são territorais e consideram intrusos como inimigos.
      Minha intenção não era fazer apologia da violência, mas mostrar como homens, seres supostamente racionais, têm assumido comportamento semelhante ao de seres tidos como irracionais.

      Obs.: Minha avó criava um cão, um gato e um papagaio juntos e eles nunca brigaram.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s